terça-feira, 25 de março de 2014

Momento nostalgia: Daewoo Prince/Ace/Super Salon

Durante a década de '90, automóveis importados das mais diversas origens voltavam a aparecer no mercado brasileiro. Um dos modelos dessa época que, apesar de não ser tão exaltado, eu ainda gosto bastante, é o Daewoo Prince. Fabricado entre '91 e '97 na Coréia do Sul pela extinta divisão automotiva da Daewoo (atualmente incorporada à General Motors), tinha um design moderno à época e bastante agradável até hoje. O layout mecânico de motor dianteiro longitudinal e tração traseira por eixo rígido (associado a ) já não era tão popular em sedãs mid-size naquele período, mas não se mostrava de todo inadequado, pois o conjunto geral ainda era capaz de proporcionar conforto compatível com o que havia de mais moderno no segmento e se adapta bem às irregularidades na pavimentação brasileira. A plataforma era derivada do Opel Rekord E fabricado entre '77 e '86 mas nunca oferecido no mercado brasileiro (que ainda dispunha do Opala, baseado no Rekord C), e o motor de 2.0L com versões de 8 ou 16 válvulas era o mesmo usado nos Opel "tropicalizados" e vendidos como Chevrolet Kadett, Chevrolet Monza (Opel Ascona), Chevrolet Vectra, Chevrolet Astra e Chevrolet Omega (sucessor do Rekord E no mercado europeu, e concorrente direto do Prince), dispondo de câmbio manual de 5 marchas ou automático de 4 marchas como opcional (privilégio que no Omega era reservado às versões de 6 cilindros). Em outros mercados havia ainda uma versão de 1.8L só com câmbio manual. Apesar de todo o conteúdo mecânico da GM, me lembra bastante o Ford Crown Victoria da mesma época...

Houve ainda o Daewoo Super Salon, também conhecido como Daewoo Ace, que usava elementos de estilo mais formais e acabamento interno com pretensões mais luxuosas, apesar da mecânica ser a mesma. O design, outra vez, acaba me remetendo a um modelo da Ford, o LTD australiano...

Um comentário:

  1. Imagina isso com um V8 como ficaria perfeito.

    ResponderExcluir

Por favor, comente apenas em Português ou em Espanhol.

Please, comment only in Portuguese or Spanish.
In doubt, check your comments with the Google Translate.

Since July 13th, 2011, comments in other languages won't be published.